Voltar ao site

Do “Capital Humano” ao “Potencial Humano”: O Futuro do Engajamento e Aprendizagem

Por Otto Berkes, Membro do Forbes Technology Council
Tradução por Patrizia Bittencourt*

No mundo acelerado eimpulsionado pela tecnologia de hoje, a mudança é rápida e contínua. Noentanto, muitas das maneiras como abordamos o trabalho são baseadas emconceitos desatualizados da Revolução Industrial, como funções de trabalhorígidas e modelos organizacionais inflexíveis. 

No mundo acelerado eimpulsionado pela tecnologia de hoje, a mudança é rápida e contínua. Noentanto, muitas das maneiras como abordamos o trabalho são baseadas emconceitos desatualizados da Revolução Industrial, como funções de trabalhorígidas e modelos organizacionais inflexíveis.  

As organizações precisam ser projetadas para seadaptarem e prosperarem durante as mudanças contínuas, o que significa permitiro aprendizado e o desenvolvimento